segunda-feira, 1 de maio de 2017

O livro ressurgido

   O reaparecimento do livroRelato sobre os Ruídos Misteriosos ouvidos na casa do
Sr. John D. Fox pode proporcionar o início de uma revisão na história do surgimento do Espiritismo nos Estados Unidos. Esquecido desde sua primeira e única edição no ano de 1848, foi secundado por outras publicações a partir do ano de 1850, objetivadas a registrar as manifestações do espírito batedor Charles Rosma ocorridas no vilarejo de Hydesville. Seu autor, Ebenezer Lewis, visitou o local uma semana após o início das perturbações, e entrevistou e obteve a declaração escrita de mais de duas dezenas de testemunhas, algumas das quais moradoras da vizinha cidade de Arcadia. Lewis descreve com clareza a ação da mãe das Irmãs Fox, a sra. Margaret Fox. A determinação desta senhora em buscar a origem do fenômeno que causava sérios distúrbios ao lar de sua família por semanas seguidas, irá torná-la personagem central no surgimento do Espiritismo Moderno, por ter sido a primeira pessoa a estabelecer um inovador e simples método de conversação com espíritos batedores e por ter proporcionado a divulgação para centenas de vizinhos que vieram testemunhar os fenômenos em sua casa. 
   Com o reaparecimento do livro de Ebenezer, ficam esclarecidos vários pontos conflitantes, agora que temos à disposição um relato de primeira mão sobre os fatos. À época da publicação original do relato de Lewis, esse livro contribuiu, juntamente com as reportagens de jornais, em fazer surgir milhares de grupos de curiosos reunidos em residências onde outros manifestantes batedores registraram as suas presenças, prestando-se à universalização das possibilidades de contato espiritual, pois nos círculos de experimentação, médiuns e não médiuns ouviam os mesmos ruídos provocados por espíritos.
    Três fatores ensejarão o surgimento da grande manifestação espiritual coletiva que teve lugar nos Estados Unidos:  o procedimento vulgarizado naquele país de magnetizar pessoas, fazendo-as alcançar a vidência e a audiência espiritual a partir de procedimentos indicados pelo sábio francês Mesmer  ensejando o surgimento de milhares de médiuns, a capacidade de organização das representações populares iniciada e perpetuada desde 80 anos antes com os esforços de reação das colônias contra o império britânico, e o apoio do grupo Quaker com demais denominações religiosas e comunitárias, onde o mediunismo era não somente aceito como praticado. 

    No link abaixo, você encontra o livro "A Família Fox e o Espiritismo".

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...